TV Cabo Branco registra teste de aplicativo com família do Cristo

dezembro 7, 2015

Reportagem da TV Cabo Branco, afiliada da TV Globo,  exibida no JPB 1a edição, no sábado, 05, registrou a primeira interação de uma família da Paraíba com o aplicativo para TV digital que o Governo Federal exibirá para cerca de 60 milhões de beneficiários do Programa Bolsa Família.

Três anos depois, as jornalistas e pesquisadoras de TV digital Madrilena Feitosa e Kellyanne Alves e o estudante José Alves Neto retornaram à casa de dona Adair Ferreira, beneficiária do Bolsa Família, no bairro do Cristo Redentor, para realizar o primeiro teste do aplicativo com conteúdos digitais interativos que o Núcleo Lavid-UFPB está desenvolvendo para o Ministério do Desenvolvimento Social e Combate à Fome (MDS) e que será visto nas TVs dos beneficiários do Bolsa Família, em todas as regiões do país.

Em 2012, a equipe do Lavid esteve na casa de Dona Adair para participar do lançamento de um projeto piloto de testes de exibição de uma programação criada exclusivamente para 100 famílias do Bolsa Família da capital. À época, realizou, em parceria com a Empresa Brasil de Comunicação (EBC), TV UFPB, TV Câmara de JP, e parceiros, a primeira experiência de transmissão digital com interatividade para famílías de baixa renda do Brasil.

20151119_110839 20151119_111242

Com um set-top box (conversor do sinal digital) conectado ao aparelho de TV e o uso de um controle remoto Dona Adair e as netas tiveram acesso a informações sobre programas e serviços do Bolsa Família. Durante o teste, elas viram e interagiram, pela primeira vez, com os conteúdos que serão oferecidos a cerca de 7 mil famílias da cidade de Rio Verde, em Goiás, no início do próximo ano. Rio Verde foi o município escolhido pelo Governo federal para realizar a primeira etapa do desligamento total do sinal analógico de TV.

O Governo está distribuindo, gratuitamente, um kit de TV digital (antena, conversor e controle remoto) para as famílias do Bolsa Família de Rio Verde, de modo a permitir o acesso à imagem de melhor qualidade e conteúdos interativos, criados exclusivamente para esse público de baixa renda.

Em João Pessoa e nos demais municípios paraibanos o chamado “apagão analógico” está previsto para ocorrer apenas entre 2017 e 2018. As famílias paraibanas cadastradas no Bolsa Família também irão usufruir dos benefícios dessa política de inclusão digital do Governo Federal.

No Lavid, a equipe de desenvolvimento está sendo coordenada pelos professores Guido Lemos , Valdecir Becker e Raoni Kulesza .

Nossos agradecimentos à equipe da TV Cabo Branco pela reportagem, que pode ser vista no link.

http://g1.globo.com/pb/paraiba/jpb-1edicao/videos/t/edicoes/v/lavid-desenvolve-sistema-que-auxilia-beneficiarios-do-bolsa-familia-na-paraiba/4656370/

FONTE: Assessoria de Comunicação do CI